Governo do Rio de Janeiro Fundação Saúde Botão Menu

Campanha “Contra a Dengue Todo Dia” marca presença nos quatro dias de Carnaval na Sapucaí

15/02/2024

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ) esteve presente em todas as noites de desfile na Sapucaí com a campanha “Contra a Dengue Todo Dia”, levando conscientização aos foliões. Distribuídas pelas entradas do sambódromo, equipes de promotores ofereceram repelentes a quem chegava à Passarela do Samba. Vídeos exibidos em telões, ambulância adesivada e faixa atravessando a avenida também lembravam a população da importância da participação de todos na luta contra a dengue. “Mais do que proteção contra o Aedes aegypti, é uma ação para lembrar que o combate ao mosquito não para. Aqui na Sapucaí, em casa, ou em qualquer outro lugar, temos que eliminar todos os pontos de água parada. E só vamos controlar a dengue com a ajuda da população, já que 80% dos focos de mosquito estão dentro das casas. Queremos que as pessoas caiam na folia, mas não caiam na cama por causa da dengue”, declarou a secretária de Saúde, Claudia Mello, ao supervisionar a ação.

No total, foram 32 litros de repelentes distribuídos e 19 promotores e supervisores envolvidos nos quatro dias de desfile. Além disso, no domingo e na segunda-feira, a campanha do Governo do Estado abriu oficialmente os desfiles das escolas do Grupo Especial. Levando uma faixa com os dizeres: “Ala do combate à dengue. Faça parte você também!”, promotores percorreram a Marquês de Sapucaí do início ao fim, abrindo caminho para a elite do samba na avenida.

Rafaela Ribeiro, de 10 anos, mostrou que se aprende desde cedo. “Não pode deixar água parada e tem que colocar cloro na piscina. A gente tem que tomar muito cuidado com esse mosquito e as crianças que lembrarem disso, avisem seus pais para eles terem cuidado”, alertou a pequena sambista.

A campanha também encerrou a festa, com uma ambulância especialmente decorada para fazer o alerta contra a dengue. O veículo acompanhou todas as escolas, fechando os desfiles das 12 agremiações do Grupo Especial. Como parte do esforço de conscientização, a campanha contou ainda com vídeos convocando a população para combate à dengue. As mensagens foram exibidas em nove telões espalhados pelo sambódromo durante as quatro noites de desfiles: sexta-feira e sábado, na Série Ouro, e domingo e segunda-feira, no Grupo Especial.

Ao se deparar com a distribuição de repelente, a aposentada Alilia Costa Gomes correu para aplicar o produto. “Não posso pegar dengue de jeito nenhum. Faço tratamento de câncer e não tinha me lembrado de passar o repelente antes de sair. A ideia foi nota dez. Obrigada. Estão de parabéns!”, vibrou Alilia. “Que bom que vocês estão aqui pra cuidar de nossas pernas e braços”, completou a pedagoga Maria José dos Santos, que fazia parte de um grupo de dezenas de foliões vindos da Baixada Fluminense.

Números da dengue no estado

Até o dia 13 de fevereiro de 2024, foram registrados 39.311 casos prováveis de dengue em todo o estado. Três óbitos foram confirmados até o momento: um na cidade do Rio de Janeiro, um em Mangaratiba e um em Itatiaia. Em 2023, houve 51.494 casos prováveis e 30 óbitos registrados.

Valesca Vargas, turista chilena, que curtiu o Carnaval no Rio de Janeiro, elogiou a iniciativa do Governo do Estado em distribuir repelente na Passarela do Samba. “Não sabia da preocupação com a dengue. Temos mesmo que nos proteger, principalmente as crianças. Não sei se os turistas vêm pra cá com repelente”, destacou a chilena ao lado dos filhos.

Plano Estadual de Combate à Dengue

Em 26 de janeiro, o governador Cláudio Castro e a secretária de Saúde Claudia Mello lançaram o programa Gov.RJ contra a Dengue Todo Dia!, que envolve o uso de tecnologia, qualificação e apoio aos 92 municípios do estado. O investimento é de R$ 3,7 milhões.

O Governo do Rio comprou equipamentos e insumos que estão sendo distribuídos aos municípios com maior incidência de casos, para a montagem de até 80 salas de hidratação, que terão capacidade para atender, ao todo, até 8 mil pacientes por dia.

©2018 Fundação Saúde - Secretaria de Estado de Saúde
R. Barão de Itapagipe, 225, Rio Comprido - Rio de Janeiro - RJ - 20261-005
Horário de atendimento: Sede - 8h às 17h Telefone: (21) 2334-5010 / Recursos Humanos - 8h às 15h